Voluntários do Amor: amigos se reúnem para ajudar venezuelanos

Um grupo de amigos de Campina Grande do Sul e região, os Voluntários do Amor, que já existe há seis anos, decidiu se reunir para mais uma causa: ajudar uma família de venezuelanos que chegaram à região para tentar uma vida melhor.

“Atualmente estamos ajudando 23 venezuelanos e 13 ainda estão para chegar. Nós já conseguimos mobiliar duas casas e outra está em fase de finalização para ser entregues a eles. Essas casas ficam em um bairro próximo ao Jardim Paulista e foram cedidas por outras pessoas para eles puderem morar até terem condições melhores”, contou uma das voluntárias, Elenice Arruda.

Segundo ela, são aceitos como doação de alimentos, materiais de higiene, eletrodomésticos e móveis, além de fraldas e leite. “Temos uma adolescente venezuelana que está grávida e quase ganhando neném, por isso estamos pedindo fraldas, leite ou outros produtos para o bebê, de quem puder nos ajudar. Também fizemos uma vaquinha solidária, para ajudar essa família a custear os exames que são necessários antes do parto. Ela é o caso que mais nos preocupa neste momento”.

Elenice lembra que é importante a participação das pessoas nessas ações e conta da proporção que o Voluntários do Amor tomou na última semana. “Esse projeto foi fundado pela Liza Schneider há seis anos, mas nos últimos dias vimos a ideia crescer muito com a chegada de novos membros ao nosso grupo. Nós doamos o nosso tempo para essas pessoas. E não só para os venezuelanos, para outras que também precisam. A intenção é que isso cresça e faça a diferença na vida das pessoas”.

Serviço: interessados em participar do grupo ou realizar doações podem entrar em contato com a Elenice pelo telefone (41) 98439-6032.