Parques e praças de Pinhais sofrem com depredação e vandalismo

Parques e praças de Pinhais tem sido alvo de depredação e vandalismo, alerta a Secretaria Municipal de Meio Ambiente. Grande parte dos gastos, indicados pelo Departamento de Bosques, Parques e Praças (Depar) da Semma, concentram-se na manutenção de equipamentos depredados ou danificados por atos de depredação. 

Segundo a Prefeitura Municipal, no ano passado foram gastos mais de R$ 40 mil em peças e custos de manutenção de equipamentos danificados, incluindo pagamento a serviços terceirizados, além do trabalho próprio da Secretaria. Já em 2022, até o momento, já foram utilizados mais de 20 mil reais para cobrir esse tipo de despesa. Segundo dados do Depar, está previsto um montante de R$ 175 mil para arcar com esses problemas causados pela ação humana, nos parques e praças de Pinhais em 2022.

Para que o recurso público destinado a atender essas demandas diminua, é necessário medidas de prevenção, que a própria comunidade pode e deve fazer. Leandro Dias, diretor do Depar, reforça esse pedido. “A população pode ajudar a prevenir esses gastos denunciando tanto para a Guarda Municipal quanto ao Depar e ajudando também, quando ver alguém depredando, falar, porque é o nosso dinheiro que está ali, nossos impostos”, explica.

Denúncias e atendimentos

Departamento de Bosques, Parques e Praças
Solicitações pelos links:
Manutenção Parquinhos e Academias da Terceira Idade
Realização de paisagismo/manutenção em praças, parques bosques e campos de futebol
Telefone: (41) 99290-4527
E-mail: parquesepracas@pinhais.pr.gov.br

Guarda Municipal: Disque 153