Corpus Christi: Campina e Quatro Barras retomam procissões e tapetes coloridos

Campina Grande do Sul e Quatro Barras voltaram a confeccionar os tradicionais tapetes coloridos no feriado de Corpus Christi, que aconteceu na quinta-feira (16). A decoração não foi feita nos últimos dois anos por causa da pandemia da Covid-19.

No bairro Jardim Paulista, a Avenida Alderico Bandeira de Lima, entre as ruas José Sbaicheiro e Angelo Antonio Zanchetin, recebeu a decoração com tema eucarístico. A confecção dos tapetes foi feita com tinta, levando em consideração que o material produz menos sujeira e é facilmente retirado com água. Cerca de 300 voluntários realizaram o trabalho de pintura da avenida.

A celebração religiosa teve início no Santuário Nossa Senhora de Fátima, à partir das 15h30, com Missa Paroquial com a participação das demais comunidades. Após, houve procissão pelas principais ruas do bairro. O evento teve a participação de cerca de 400 pessoas e contou também com ação solidária de doação de agasalhos.

Quatro Barras

Em Quatro Barras, a procissão de Corpus Christi e a confecção dos tapetes coloridos também voltaram aos moldes tradicionais. A festividade foi na Paróquia São Sebastião, no centro da cidade, e se iniciou com uma missa celebrada pelos dois padres responsáveis e o diácono.

Após a celebração, os fiéis caminharam pelas ruas da cidade com o Santíssimo Sacramento, em um percurso de cerca de 1,2 mil metros. A Avenida São Sebastião, em frente à Igreja Matriz, foi decorada com os tapetes de serragem colorida confeccionados por 150 voluntários de diferentes pastorais. Aproximadamente 600 fiéis participaram das celebrações.

Significado

No calendário religioso cristão, a data lembra a instituição do sacramento da Eucaristia. A expressão latina Corpus Christi significa Corpo de Cristo e é o dia em que a Igreja Católica celebra o corpo e o sangue de Jesus. A tradição de enfeitar as ruas com tapetes coloridos para a passagem da procissão de Corpus Christi foi trazida ao Brasil pelos portugueses, durante a colonização.