Pela primeira vez, uma mulher assume a diretoria-geral do Legislativo quatro-barrense

A nova diretora-geral da Câmara de Quatro Barras, Juliana da Luz Oliveira, é a primeira mulher a ocupar o cargo desde que ele foi criado. Moradora da Borda do Campo, ela estudou no Colégio Estadual André Andreatta e é formada em Administração pela Faculdade de Campina Grande do Sul (Facsul).

“Ser a primeira mulher a assumir um cargo tão importante no Legislativo para mim é extremamente gratificante. Me criei no município, vivi as mesmas dificuldades que muitos ainda vivem por morar longe da cidade, não ter acesso a políticas públicas sociais e não ter a oportunidade do primeiro emprego”, disse Juliana.


“Somos administradoras por natureza”.

Ela lembra que trabalhou na roça com o pai e o primeiro emprego registrado dela foi como zeladora em um autocenter, no centro de Curitiba. “Compartilhar isso é incentivar outras mulheres a continuar acreditando na própria força e dizer que vale a pena acreditar e se dedicar. Somos administradoras por natureza”.

CARREIRA

Juliana é pós-graduada em Gestão Pública pela Fundação de Estudos Sociais do Paraná (Fesp) e possui cursos em Planejamento e Gestão de Processos pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap).

Ela trabalhou na Casa Civil do Governo do Estado, onde passou pela Assessoria Especial da Juventude, pelo Conselho Estadual das Cidades e, por último, atuou como coordenadora dos projetos da Superintendência Geral de Diálogo e Interação Social (Sudis).

“Com o apoio da mesa diretora da Casa e dos vereadores, iremos realizar um trabalho técnico administrativo de excelência, focado na valorização dos funcionários, conscientização e resgate dos valores éticos pautados nos princípios da administração pública e a gestão por resultados”, enfatizou a nova diretora-geral.

A diretora-geral da Câmara, Juliana da Luz Oliveira, e o presidente, Dudu Lago