Jornal União estreia coluna de cultura, gastronomia, TV e música toda sexta-feira

O Jornal União estreia nesta sexta-feira (8) a nova coluna de cultura, de tudo que está acontecendo por Curitiba e Região Metropolitana. Espetáculos, gastronomia, shows musicais e dicas de TV estarão por aqui toda semana. Vamos conferir o que está ocorrendo neste fim de semana?

Shows

Nesta sexta-feira (8) o Piazza Arado terá show de Glória Groove na primeira edição do Pop Pride Festival, evento que reúne artistas musicais da cena LGBTQIA+. No lineup teremos a curitibana Karol Conká, as drags Kika Boom e ALALALULU; MC Mayara, Davi Bandeira e os DJ’s Luna Vicious e Felipe Rocha. Para finalizar teremos a festa White Noise, representado pelos deejays Future Classics e Goltz.

Os ingressos custam de R$ 70 a 140, vendida pelo 41Tickets. A casa está localizada na BR-116, 14934 – Novo Mundo.

-//-

Zé Ramalho faz show amanhã (9) 22h00 na Live Curitiba (R. Itajubá, 143 – Novo Mundo) e domingo (10), às 2100, no Teatro Positivo (R. Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300 – Campo Comprido). Os ingressos estão sendo vendidos pelo Disk Ingressos.

Gastronomia

No Mustang Sally do Batel, o destaque fica por conta das atrações musicais Gilbert Braga & Guina Lima hoje (8), 20h00 e amanhã (9) Boogie Night Trio, também 20h00. O local fica na Rua Cel. Dulcídio, 517 – Batel (sob reservas).

-//-

O tradicional Restaurante O Jardineiro renovou seu cardápio de comida de boteco e de almoço executivo. O destaque é o Bolinho de Pernil, o Crocante de Tapioca, os novos Escondidinhos da casa, além das novidades para o almoço, Arroz Carreteiro e Filé à Oswaldo Aranha. A casa também possui ainda novos coquetéis criados em parceria com a Diageo.

Com valores variados, o local está situado na Av. Manoel Ribas, 227 – Mercês.

Teatro

Segue para as duas últimas apresentações a peça “Se Eu Fosse Deus”, tragicomédia, com texto de Oderval Figueiredo e direção de Daniel Keller. O elenco conta com André Moiano, Angélica Bueno, Patty Sozzi, Kauê Marquetti, Lara Moutinho, Luana Johnson , Vilson Kurz e participação especial de  Anidria Zielinski. A trilha é de original é de André Richter e maquiagem por Taynara Siqueira

As vendas ocorrem pelo site da Synpla, sendo sábado (9) 19h30 e domingo (10) 18h30 na Companhia do Abração: Rua Paulo Ildefonso Assumpção, 725, Bacacheri.

Confira a sinopse: O que acontece quando nossa maneira de pensar se sobrepõe de forma autoritária sobre o próximo? Com uma estética realista e argumentos extremamente atuais, “Se Eu fosse Deus” retrata personalidades e arquétipos espelhos de uma sociedade doentia. Os personagens agem de forma egoísta ou altruísta, conforme suas crenças e ideologias tentando solucionar um problema cotidiano que acaba se transformando em algo hercúleo. A peça fomenta a discussão sobre humanidade como um todo, com todas as suas diferenças. “Se Eu fosse Deus” também traz um questionamento no mínimo incômodo: se você tivesse todo o poder necessário para fazer o que bem quisesse, o que faria?

Semana que vem tem mais, tchau!