Frigorífico vai gerar 200 empregos em Bocaiúva do Sul

Bocaíuva do Sul está recebendo o Frigorífico Rainha da Paz, empresa com sede em Londrina, indústria em Ibiporã e unidade de integração e produção de suínos em Toledo. Foram investidos na nova unidade, localizada em Águas Claras (Papanduvinhas), recursos da ordem de R$ 5 milhões, direcionados à modernização e adoção de novas tecnologias para o abate de suínos.

Clovis da Silva Cordeiro, gerente de Produção, destaca que a adequação da planta visa a atender a maior produtividade e, principalmente, a Legislação Sanitária do Ministério da Agricultura e do Meio Ambiente. Diariamente, deverão ser abatidos mil animais e produzidas em torno de 2,3 mil toneladas de carne suína por mês. Uma equipe técnica e profissionais capacitados garantirão a Qualidade dos produtos.

EMPREGOS

Conforme diretores da Rainha da Paz, todo o investimento proporcionará a geração de 200 empregos diretos, além dos indiretos, que estão ligados à logística das cargas. A seleção dos colaboradores vai até a metade de agosto.

O início das atividades de abate está previsto para setembro.

O início das atividades de abate está previsto para setembro. Os interessados pelas vagas podem levar o currículo à empresa – Estrada das Papanduvinhas, nº 4950, bairro Águas Claras – ou entrar em contato com a agência do trabalhador da sua cidade.

HISTÓRIA

O Frigorífico Rainha da Paz (homenagem à Nossa Senhora, com a marca nas cores azul e branca) foi fundado por Osmar José Balançon e seu irmão Valdecir Balançon, em Jataizinho, no norte do Paraná, em outubro de 2000. Em 2005 houve a mudança para Ibiporã, em uma área com quatro alqueires na PR-90, Km 2 (trevo Ibiporã-Sertanópolis).

Hoje são 11 mil metros quadrados de área construída na unidade de Ibiporã. Lá são abatidos diariamente 2,1 mil animais e produzidos e industrializados em torno de 5 mil toneladas de carne suína por mês (cortes in natura, resfriados e congelados, industrializados, defumados, embutidos).

PROGRESSO

O prefeito de Bocaiúva do Sul, Junior da Farmácia, o vice-prefeito, Adriano Polli Taverna, e os vereadores não medem esforços para garantir o sucesso do empreendimento, que trará uma nova fase de progresso ao município. Com o apoio do deputado Alexandre Curi, agora eles buscam junto ao Governo do Estado a pavimentação do acesso ao frigorífico.

“Estamos dando todo o nosso apoio para os investidores, que nos deram a honra de escolher o nosso município para gerar empregos e movimentar a economia”, ressaltou o prefeito Junior. “Especialmente com o sistema de integração, a atividade da suinocultura com certeza terá um grande incremento, movimentando a cidade e a região”, completou o vice, Adriano.

 “A inauguração do frigorífico Rainha da Paz representa mais empregos e demonstra que o município está no caminho certo”, destacou Alexandre Curi, que acompanhou os representantes do município em reunião com o vice-governador, Darci Piana, no início do mês, quando foi formalizado o pedido de asfalto para a rua do frigorífico.

Atualmente, a economia de Bocaiúva do Sul está centralizada na atividade madeireira. As três principais empresas da cidade são a Pinustan, a Rotani e a Eldorado.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *