Quatro Barras tem 12 confirmações de Covid-19; casos entre profissionais da Saúde preocupam

Quatro Barras, que até o dia 12 de maio tinha apenas dois moradores confirmados com o novo coronavírus (Covid-19), viu o número saltar para 12 menos de duas semanas depois. Entre eles, quatro estão recuperados.  

Entre quinta-feira, dia 21, e segunda-feira, dia 25, Quatro Barras teve oito novos casos registrados. Os pacientes são um homem e sete mulheres moradores de seis regiões diferentes da cidade: Menino Deus, Humaitá, Borda do Campo, Santa Luzia, centro e área rural. 

Antes disso, o último caso confirmado havia sido no dia 13 de maio (um homem de 44 anos). Os dois primeiros foram registrados em 4 de maio (outro homem de 44 anos) e 7 de abril (um homem de 51 anos). 

CASOS ENTRE PROFISSIONAIS DA SAÚDE

Entre os quatro-barrenses infectados pela doença, estaria a zeladora de uma unidade de saúde. A informação foi dada pelo site de notícias Banda B. Na mesma reportagem, o prefeito Angelo Andreatta (Lara) informa que outros dez funcionários da área estão afastados do trabalho, em monitoramento.

Em declaração à Banda B, o prefeito expressa preocupação com um colapso que pode ser causado no sistema municipal de saúde por causa da falta de pessoal. Ele conta ainda que a morte de uma agente comunitária de saúde do município que apresentou sintomas da doença está sendo investigada.  

ORIENTAÇÕES

“Medidas mais drásticas irão ser adotadas e a colaboração da população nesse momento é fundamental”, reforça a prefeitura, em publicações divulgadas nas redes sociais. 

“Pedimos que toda a população de Quatro Barras mantenha os cuidados e permaneçam em isolamento domiciliar, sem visitar ou frequentar casa de parentes e amigos. Além disso, reforçamos que, independente do bairro de residência, é extremamente necessário que a população mantenha-se em quarentena, saindo apenas para atividades essenciais e que adotem todos os cuidados quando realizá-las, lembrando sempre do uso obrigatório de máscara e distanciamento social”, continua o texto.
 
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!