Sarna negra atinge vários cães da região

A sarna demodécica, mais conhecida como sarna negra, tem sido bastante observada na região, embora seja uma doença genética. É o que informa a médica veterinária da Zooplan Centro Médico Veterinário, Daniele Nascimento Petterle.

Ela explica que esse mal é uma dermatite autoimune, causada por um ácaro. “Esse ácaro se chama demodex canis, e se aloja na base dos folículos pilosos e nas glândulas sebáceas do animal”. A sarna negra acomete apenas cães. “A dermatite não tem idade, surge quando abaixa a imunidade dos cães. É assim que o ácaro começa a se proliferar e causar as lesões de pele, queda de pelo, feridas irregulares e crostas”.

Daniele lembra que a transmissão da doença é apenas genética, então não há chance de passar para outros cães ou humanos. O tratamento para a sarna negra inclui avaliação do médico veterinário, exame de lâmina para encontrar o ácaro, medicamentos e banhos medicamentosos. “Tudo isso funciona, além da castração do pet, que é indicado, mas se a imunidade baixar, a sarna tende a voltar. O tratamento profilático é feito por toda a vida do paciente”.

Serviço: a Zooplan Centro Médico Veterinário está localizado na rua
Travessa Holanda Cruzeta Coradin, nº 75. Mais informações pelo telefone (41) 3672-1727.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!